SINDMETAL e Fusão Ligas firmam acordo que garante reajuste com ganho real, abono e vale-alimentação

Diretores do Sindmetal e representante da Fusão Ligas

O SINDMETAL conquistou reajuste salarial de 7,5% para os trabalhadores e trabalhadoras da empresa Fusão Ligas (Área da ALUMAR), resultado de negociação no Acordo Coletivo de Trabalho – ACT 2024. Além do reajuste, acima da inflação do último período, o sindicato também conquistou um abono salarial no valor de R$ 225,00 para todos os empregados da empresa, e a elevação do Vale-alimentação para R$ 400,00 (trabalhadores sindicalizados) e R$ 360,00 para os demais.

O presidente do SINDMETAL, Gerson Silva, destacou que neste ano entendimento sindicato x fusão ligas foi algo inédito, visto que a empresa acatou toda a proposta enviada e não houve nem mesa de negociação que discutisse qualquer ponto. “Posturas assim devem ser reconhecidas por nós, pois do mesmo modo que denunciamos os maus empresários, precisamos parabenizar as empresas que valorizam seus empregados e entendem que eles são a maior riqueza que eles têm, por isso, fica o registro de acordo coletivo fechado em tempo recorde, e o nosso reconhecimento à Fusão Ligas”, frisa o sindicalista.

O reajuste salarial vale partir do dia 1º de março de 2024, e o piso salarial começa com R$ 1.673,00 (auxiliar); R$ 2.572,08 (profissional I); R$ 3.261,71 (profissional II); e R$ 4.127,58 (profissional III). As empresas subcontratadas pela Fusão Ligas, deverão seguir os mesmos pisos aos seus trabalhadores.

As horas-extras serão admitidas em 2 horas por dia, nos dias úteis com pagamento de 75%. Aos sábados, domingos e feriados, resultarão no limite de 10 horas por jornada e serão pagas na ordem de 100% sobre o valor da hora normal de trabalho. Já os adicionais noturnos serão remunerados com acréscimo de 30% sobre as horas efetivamente trabalhadas.

VALORIZAÇÃO DA MÃO DE OBRA LOCAL

Também no acordo firmado com a Fusão Ligas, o SINDMETAL fez constar que 70% da mão de obra contratada pela empresa deverá ser de trabalhadores locais, valorizando os metalúrgicos que residem em São Luís onde a empresa desenvolve suas atividades. A contratação se dará por meio do Sistema Nacional de Emprego – SINE Estadual ( www.trabalho.ma.gov.br ) ou no cadastro de desempregados mantido pelo SINDMETAL.

 

Imprensa Sindmetal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *